WhatsApp – Aplicativos de sucesso

Que o WhatsApp se tornou um aplicativo muito popular no Brasil e também ao redor do mundo é fato. Porém, você sabe como e em que lugar esse aplicativo tão útil para a nossa vida surgiu?

 

A sua história é um tanto quanto curiosa e vale a pena ser contada. Muito se tem a aprender com o que acontece no decorrer dos tempos com um dos aplicativos de comunicação mais utilizados do mundo.

 

Quem fundou o app?

O fundador e CEO do popular aplicativo para smartphone chama-se Jan Koum, nascido em Kiev, na Ucrânia. Quando pequeno, tornou-se imigrante dos Estados Unidos e passou a viver um tempo em grande pobreza.

 

O mais curioso é que Jan trabalhou como faxineiro para ajudar a sua família o quanto podia. Pouco tempo depois, o jovem conseguiu uma vaga na Universidade San Jose, sendo que não chegou a terminar o seu curso.

 

Outro fato interessante é que o jovem comprava livros usados, os lia e depois devolvia para conseguir o dinheiro de volta. Nisso, aprendeu a arte de programar sozinho, sem a ajuda de professores.

 

Pelo fato de ser muito inteligente, logo conseguiu um emprego na Ernst & Young, que, ao trabalhar com a empresa nascente Yahoo!, foi onde conheceu seu futuro parceiro Brian Acton, que se impressionou com Jan e o levou a trabalhar para a empresa entre 2000 e 2007.

 

Como o WhatsApp foi criado?

 

No ano de 2009, os parceiros tiveram a ideia de criar um aplicativo de comunicação, que inicialmente atenderia apenas aos usuários do sistema iOS, do iPhone. Porém, com o crescimento da popularidade, eles expandiram essa ideia para smartphones com sistema Android.

 

O investimento veio de toda a economia realizada enquanto Koum trabalhava na outra empresa – cerca de 400 mil dólares na época. E, junto com Acton, resolveu investir na criação desse aplicativo que melhoraria o desempenho para o usuário.

 

A ideia era criar um canal de comunicação interativo, intuitivo e fácil de usar, sem a necessidade de haver diversas pop ups e anúncios que barravam a comunicação, sendo cobrado um preço diário pela utilização do serviço.

 

A expansão dos números

 

O que nenhum dos dois previu era o número de usuários que conseguiriam atingir e muito menos o faturamento que atingiriam em um curto período de tempo.

 

Hoje em dia, os números de downloads do app, que apenas continua crescendo, já ultrapassaram a marca de 1 bilhão, mostrando também outros números incríveis, como a marca de meio bilhão de pessoas utilizando os recursos do WhatsApp mensalmente.

 

Esse aplicativo conseguiu chegar a uma marca que nenhum outro teve a capacidade de atingir, com seus números crescentes e os lucros cada vez maiores. Isso fez com que empresas de grande porte se interessassem e ficassem de olho no app.

 

O WhatsApp foi vendido em fevereiro de 2014 por cerca de US$ 22 bilhões, para outra companhia gigante, o Facebook. O Google tentou comprar a ideia também, com proposta bilionária, porém não conseguiu o feito.

 

Isso dá apenas uma ideia de que, se temos uma boa ideia e salvamos uma quantia de dinheiro por certo tempo, podemos expandir nossos horizontes e criar coisas incríveis.

 

E se você também quer aprender desenvolver um aplicativo, se cadastre na lista VIP do Celso e nos acompanhe nesta jornada.

 

Veja também outros artigos da série Aplicativos de Sucesso:

Instagram

Uber

Periscope

Waze

Snapchat

Tinder

Comece pelo e-book GRATUITO

5 Passos Para Desenvolver Alexa Skills

Se você não sabe por onde começar, este e-book te mostra os passos para ser um desenvolvedor de skills de sucesso.
100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!