Pascal Case e camel Case – O que é e como usar? – [C#]

Você já ouviu falar de Pascal Case e Camel Case?

 

Camel Case é a prática de escrever palavras compostas ou frases de modo que cada palavra ou abreviatura no meio da frase comece com uma letra maiúscula.

 

Pascal Case é a prática de escrever palavras compostas ou frases de modo que cada palavra ou abreviatura comece com uma letra maiúscula.

 

Ambas não utilizam espaços nem pontuação e são muito utilizadas na programação.

 

Veja alguns exemplos de Pascal Case e camel Case.

 

Camel Case: “iPhone”, “eBay”.

Pascal Case: “FedEx” e “HarperCollins”

 

Vamos neste artigo conhecer melhor cada uma delas e ver como são aplicadas na programação.

História

 

O primeiro uso sistemático e generalizado desta forma de escrita para fins técnicos foi a notação de fórmulas químicas criadas pelo químico Jacob Berzelius em 1813.

 

Substituindo as inúmeras convenções de nomeação e símbolo usadas pelos químicos até então, ele propôs indicar cada elemento químico por um símbolo de uma ou duas letras, sendo a primeira em maiúscula.

 

Esta técnica permitiu que as fórmulas como “NaCl” fossem escritas sem espaços e ainda fossem analisadas sem ambigüidade.

Pascal Case e camel Case na programação

 

Nas décadas de 1970 e 1980, esta prática de escrita começou a ser adotada como uma convenção de nomeação padrão ou alternativa para identificadores em várias linguagens de programação.

 

A origem precisa desta convenção na programação de computadores não é precisa.

 

O uso desta técnica é recomendado pelas diretrizes de estilo de codificação de muitas organizações ou projetos de software.

 

Para algumas linguagens (como Mesa, Pascal, Modula, Java e .NET), esta prática é recomendada pelos desenvolvedores da linguagem e, tornou-se parte da cultura da linguagem.

 

No caso do .NET, a Microsoft tem as seguintes recomendações.

 

Não são obrigatórias (por isso são chamadas de convenções), mas sua utilização facilita a compreensão do código fonte por outro programador, por exemplo.

 

Para diferenciar palavras em um identificador, deixe a primeira letra de cada palavra em maiúscula. Não use underscore (sublinhado) para diferenciar palavras, ou em qualquer lugar do identificador.

 

Use Pascal Case para todos os nomes de membros, tipos e namespace públicos que consistem em várias palavras.

 

Exemplos:

PropertyDescriptor

HtmlTag

 

Um caso especial é feito para siglas de duas letras em que ambas as letras são maiúsculas, conforme mostrado abaixo:

IOStream

 

Use Camel Case para nomes de parâmetros. As siglas de duas letras que iniciam um identificador são em minúsculas.

propertyDescriptor

ioStream

htmlTag

 

Palavras finais

 

Pascal Case e Camel Case são práticas de escrever palavras compostas ou frases, muito utilizado na programação de computadores.

 

Esta forma de escrita foi criada pelo químico Jacob Berzelius em 1813.

 

Nas décadas de 1970 e 1980, esta prática de escrita começou a ser adotada em várias linguagens de programação.

 

No caso do .NET, a Microsoft recomenda:

  • Usar Pascal Case para todos os nomes de membros, tipos e namespace públicos que consistem em várias palavras.
  • Usar Camel Case para nomes de parâmetros.

 

Se cadastre na lista VIP do Celso para ser avisado quando os próximos artigos da série forem publicados.

Comece pelo e-book GRATUITO

5 Passos Para Ser Um App Dev

Se você não sabe por onde começar, este e-book te mostra os passos para ser um desenvolvedor de aplicativos de sucesso.
100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!